6 de dezembro de 2018

Diretrizes para a criação da Aesal são discutidas no Crea-AL

Na noite desta quarta-feira, 06, engenheiros ambientais e sanitaristas se reuniram, no auditório do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Alagoas (Crea-AL) para discutir sobre a criação de uma associação da classe. Essa segunda reunião teve como objetivo passar aos profissionais presentes todas as etapas necessárias para que a associação seja fundada e tirar possíveis dúvidas.

Segundo a Engenheira Sanitarista e Ambiental, Liz Araújo, há dois anos, ela e mais um grupo de profissionais teve a ideia de criar a associação dos engenheiros ambientais e sanitaristas, mas não conseguiram concretizar. “Vimos na Soea, ocorrida em agosto aqui em Maceió, uma oportunidade de reunir o maior número de profissionais da nossa categoria e, aproveitando também, a presença da Federação Nacional no evento”, explicou.

“O apoio da Federação Nacional e do próprio Crea-AL, foi muito importante, eles explicaram para a gente qual a importância, o que é uma associação, o que ela representa para os profissionais, os benefícios dela para a categoria. Então nós vimos a oportunidade e sentimos que, realmente, era o momento. E agora, todos nós vislumbramos a criação da associação e uma maior valorização da nossa categoria”, acrescentou Liz Araújo.

De acordo com o profissional Thomaz Lins, foi passado aos profissionais que compareceram a esta reunião, o estatuto, sobre o que é e o que faz uma associação, foi montado uma comissão para organizar questões burocráticas iniciais. “Nos comprometemos também, em chamar o maior número de engenheiros ambientais e sanitaristas para comparecer no próximo dia 31 de janeiro, pois é necessário, no mínimo trinta profissionais ativos no Crea-AL para conseguirmos criar a associação”, esclareceu.

Após a reunião, ficou decidido que, no próximo dia 31 de janeiro de 2019, dia em que se comemora o Dia do Engenheiro Ambiental, será realizada a fundação da Associação dos Engenheiros Sanitaristas e Ambientais de Alagoas (Aesal).